Não podendo mudar tudo do mundo num único instante… poderemos dar pequenos passos rumo a um mundo melhor para todos
Segunda-feira, 06 de Outubro de 2008

“O que é vivido pelos cidadãos não pode ser iludido pelos agentes políticos. Quando a realidade se impõe como uma evidência, não há forma de a contornar”, defendeu Cavaco Silva no seu discurso comemorativo dos 98 anos da Res Publica em Portugal.

 

Cavaco Silva sublinhou, ainda, a “confiança que tem no comum dos portugueses”, deixando o apelo para que se mobilizem e não baixem os braços perante as dificuldades. “Somos capazes de vencer quando os desafios são maiores. Não se deixam vencer pelo pessimismo ou pelo desânimo”, apelou.

 

 

O problema é que o comum dos portugueses esforça-se, aperta o cinto, paga as suas contas! No entanto, vê o não comum dos portugueses a endividar-se e não pagar, elege o melhor candidato vendo-o cair pouco depois nas malhas da corrupção e do caciquismo, assiste da sua poltrona à entrada de políticos corruptos pela porta dianteira das grandes empresas públicas e privadas.

 

 

Não foi concerteza esta a Res Publica idealizada há 98 anos atrás. 

 

Fontes: notícia, cartoon.

publicado por M.M. às 00:14


Outubro 2008
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9
11

12
16
17
18

19
24
25

26
27
28


Go revolution
Join Greenpeace 7 Step Climate Campaign
Em acção
www.greenpeace.pt
mais sobre mim
as minhas fotos
pesquisar
 
as minhas fotos