Não podendo mudar tudo do mundo num único instante… poderemos dar pequenos passos rumo a um mundo melhor para todos
Quinta-feira, 05 de Março de 2009

O PODER LOCAL

Os autarcas nacionais têm sérias razões para andar preocupados. O(s) seu(s) poleiros andam a ser invadidos por aves raras, que não sabem o que é a política ou a vida local, mas sabem perfeitamente o que é representar e jogar em várias frentes de batalha... veja-se o recente caso daquela douta senhora que anda pelos lados do Porto. Como a arte de fazer política está a ser invadida por verdadeiros fazedores de opinião, como aquele sr deputado que disse que não insultou ninguém e que lhe haviam clonado o perfil!

 

A VIRTUALIDADE DA VIDA

E por falar em perfil e em redes sociais em particular. Ando por aí agora a modo do: "andam a clonar os  nossos perfis e a mandar mensagens insultuosas para os nossos amigos". E a mim apetece-me dizer: "Ai andam?" Então querem vocês dizer que alguém anda a insultar os nossos amigoa em nosso nome, é isso? Meus senhores os nossos amigos - a menos que se tenha mais de 2 ou 3 mil (des)conhecidos como amigos - se lhes chegasse tamanho insulto vindo da nossa parte não iriam acreditar, até porque nos conhecem e sabem que quando temos alguma coisa para dizer a dizemos na cara, não utilizamos redes sociais da internet para dizer aquilo que pensamos como acontece com alguns adolescentes que quando tocados pela bebida insultam até a mãe se os deixassem.

 

A LEI ISLÂMICA

E por falar em mãe, e uma vez que essa instituição é intocável! O que me dizem da criação de um movimento das mães de rapariguinhas inocentes portuguesas que se casam com muçulmanos porque os amam. Todos ficamos em choque com as declarações de 2 srs cardeais portugueses que num casino (que heresia, senhores!) alertaram as moçoilas portuguesas para os sarilhos em que se metem quando casam com muçulmanos. O bom D. José Policarpo sabe do que fala. Quando os esquedistas vêm a público trazer casos de portuguesas casadas com muçulmanos... são portuguesas casadas com homens vindos de versões soft da Lei Islâmica como Marrocos ou a Tunísia. A maior parte dos países islâmicos não se guiam por essa Lei soft, mas por leis bem mais apertadas, principalmente para as mulheres não islamicas cujos filhos serão muçulmanos, tradição secular usada pelos muçulmanos desde o princípio dos tempos para obrigar à conversão: filho de muçulmano é muçulmano, quer queira ou não, é-o e pronto.

 

GOSTAS MAIS DO PAI OU DA MÃE

Eu não sou mãe, sou apenas filha e tia (já agora). Hoje ouvi uma pergunta recorrente que se faz ás criancinhas com a qual não concordo minimamente, nem me parece que em termos psico-pediátricos se deva fazer: "Gostas mais do pai ou da mãe?" Com tanta (des)decisão, com tanto (des)gosto que a criança há-de ter ao longo da vida ainda mal sabe falar e já o rotolam como "menino da mamã" ou do "papá" consoante a resposta! Mas a de hoje esmerou-se depois desta famigerada pergunta sai-se com esta "Gostas mais do tio X ou da tia Y". A criancinha fica pasmada a olhar para a mulherzita como quem diz ´"Estes adultos inventam com cada uma? Ora deixa cá ver a tia Y compra-me coeiros e o tio X compra-me gomas.... Ora bem, decisão difícil: gosto mais do tio X" Meu Deus! Se não têm conversa com a criança, calem-se por favor que ninguém os aguenta!

publicado por M.M. às 18:35

"o(s) seu(s) poleiros andam a ser invadidos por aves raras"...LOOOOL...adorei!...e que tenham cuidado com ovos no caso de serem aves poedeiras LOOL
se aos nossos amigos "lhes chegasse tamanho insulto vindo da nossa parte não iriam acreditar"...óbvio...que parvoíce...!!! na melhor das hipóteses: eih, tavas bêbado ontem? LOOL
"2 srs cardeais portugueses que num casino (que heresia, senhores!) alertaram as moçoilas portuguesas para os sarilhos em que se metem quando casam com muçulmanos"...isto foi tão chocante, mas tão chocante, que já nem me choca!!!! neste momento acho que se pode esperar tudo vindo desses lados, tudo...pior não sei se é possível...
é verdade...é tão básico ouvir..."gostas mais de X ou de Y"...logo perguntar isso as únicas pessoas que ainda gosta de tudo, não têm interesse em não gostar...!em vez de se aprender com as crianças...
heidi a 6 de Março de 2009 às 09:50

São tão básicos e tão próprios do nosso mundinho... que até se estranham e se apelidam de serem d´outro mundo =)
M.M. a 7 de Março de 2009 às 00:52

Essa do goatas mais do papá ou da mamã fez-me lembrar que quando me perguntavam isso acabava sempre por reponder: DA MINHA AVÓ! Ai não eu não sou burra e isto de ser filha única ainda me saía caro!!!!! looool
bom texto!
Anónimo a 9 de Março de 2009 às 22:54

Bem-vinda ao blog =)

É sempre uma opção e os avós são sempre uma belissima referência educativa para os netos...
M.M. a 11 de Março de 2009 às 00:14



Março 2009
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
14

15
17

22
23
25
26
27
28

29
31


Go revolution
Join Greenpeace 7 Step Climate Campaign
Em acção
www.greenpeace.pt
mais sobre mim
as minhas fotos
pesquisar
 
as minhas fotos