Não podendo mudar tudo do mundo num único instante… poderemos dar pequenos passos rumo a um mundo melhor para todos
Quarta-feira, 11 de Junho de 2008

Alastram pelo país actos de violência contra pessoas e bens pelo simples facto de não concordarem com uma determinada forma de luta. O direito ao protesto é inquestionável, o da violência não é. Tanto quanto eu sei, num Estado de Direito, as acções destes piquetes de greve constituem crime. É de perguntar onde pára o Estado?


The weight of the balance
Angel Boligan, «Cagle cartoons»

 

 

Fonte.

publicado por M.M. às 21:42

como é possível um resultado de futebol abrir um telejornal e a morte de uma pessoa motivada por razões da falta de liberdade em que actualmente se vive neste país não? ou pelo menos não assumiu tanta importância? como é possível o futebol mover multidões e a luta pela liberdade já não mover ninguém? a nossa geração e outras mais assumem-na como dado adquirido, no entanto a sua manutenção deveria ser uma luta constante...
heidi a 13 de Junho de 2008 às 13:51



Junho 2008
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
10
12
13
14

15
16
18
19
20
21

22
23
24
26
27

29
30


Go revolution
Join Greenpeace 7 Step Climate Campaign
Em acção
www.greenpeace.pt
mais sobre mim
as minhas fotos
pesquisar
 
as minhas fotos